Do Amor Que Sinto...

Mas o amor que sinto não é abalado
Nem por gotas
Nem por desesperança.
O despertar da dificuldade tornou-se força de crescimento
E o meu amor,
Ah! O meu amor,
O nosso “meu amor” só faz crescer!

Nem os olhares dos que me dizem “Vá!” me intimidam,
Nenhuma barreira sobrepõe a altura que a ternura dos teus olhos me colocam
E as acusações não são mais importantes
Do que os preciosos quinze minutos de sorriso teu
Ou que os dez,
Ou cinco,
Ou um [...]

Nada vale mais,
Porque o amor é sábio e sabe proteger-se - mais do que imaginamos!
Alimenta-se do que mais gostamos, logo cresce.
Da dor à cura, do silêncio ao som,
Do nada a você!


Por Dani Cabrera

Comentarios

Publicar un comentario

Entradas populares